Na terceira idade é importante sempre manter as vacinas em dia. Mas existem algumas que não podem ficar de fora do calendário de vacinação. Lembrando que as vacinas ajudam os idosos a se prevenir de gripes e outras doenças, que costumam aparecer quando a imunidade esta baixa.

Uma das vacinas essenciais para a saúde do idoso é a da gripe (Influenza). Esta vacina é feita anualmente e sempre no início do outono, antes do inverno. São muito comuns os casos de gripes nas pessoas da terceira idade. Por isso esta vacina é aconselhada pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Outra vacina que deve fazer parte do calendário de vacinação do idoso é a vacina contra a pneumonia pneumocócica, que ajuda a reduzir as infecções causadas pela bactéria pneumococo, que causa infecção respiratória e até meningite. Ela costuma ser aplicada no mesmo tempo da vacina da gripe e é muito importante para a saúde do idoso.

E não pode faltar no calendário de vacinação do idoso a vacina contra Tríplice bacteriana, que é feita de 10 em 10 anos contra a difteria, tétano e coqueluche. Outra vacina recomendada para os idosos é a vacina contra hepatite A e B, que é causada por um vírus que ataca o fígado e pode trazer diversos problemas.

As doses para esta vacina são as seguintes:

Hepatite A – Duas doses: a segunda, seis meses após a primeira. A Hepatite B – Três doses: a segunda, um mês depois da primeira e a terceira cinco meses depois da segunda e Hepatites A + B – Três doses: a segunda um mês depois da primeira e a terceira cinco meses depois da segunda.

Também não pode faltar a vacina contra a febre amarela, que é uma dose a cada dez anos. A febre amarela é uma doença infecciosa e faz muitas vitimas no país. Por isso a atenção em tomar esta vacina.

Alguns cuidados para vacinas especiais para idosos:

  • Priorizar as vacinas anuais;
  • Idosos com alergia a ovo, não podem tomar vacina contra a gripe;
  • Fazer a lavagem e higienização das mãos sempre;
  • Manter a Carteira de Vacinação atualizada;