Início de ano costuma ser sempre aquela correria, contas a pagar, férias, volta ao trabalho. Mas as vacinas não podem ficar de fora. Há muita negligência por parte do adulto e muitas vezes este acaba ignorando a importância que o calendário de vacinação em dia tem em sua saúde.

Uma das primeiras vacinas a providenciar é a da Influenza, ou seja, da vacina para gripe. Já que o outono dá as caras em março, é muito comum pegar um resfriado com as mudanças climáticas que costumam ocorrer neste período.

As vacinas precisam estar em dia não só para as crianças e idosos, como nos adultos. Vacinas que devem sempre ser priorizadas são as seguintes: hepatites A e B, tétano, coqueluche, sarampo, difteria, rubéola, caxumba, febre amarela. Se surgir alguma dúvida sobre as vacinas, é bom consultar uma clinica de vacinação. Mas não deixe de se vacinar. A sua saúde agradece.

Vacinas para bebês e crianças

Desde o seu nascimento os bebês precisam tomar vacina. É importante para a sua saúde. Entre as principais estão: BCG (dose única), Hepatite B (primeira dose), Hepatite B (segunda dose), DTP (difteria, tétano e coqueluche, primeira dose), Hib (Haemophilus influenzae, primeira dose), Pólio oral ou inativada (primeira dose), Rotavírus (primeira dose), Pneumocócica conjugada (primeira dose), Meningocócica C (primeira dose), DTP (difteria, tétano e coqueluche, segunda dose), Hib (Haemophilus influenzae, segunda dose), Pólio oral ou inativada (segunda dose), Rotavírus (segunda dose), Pneumocócica conjugada (segunda dose), Meningocócica C (segunda dose).

Após os seis meses, devem ser priorizadas as seguintes vacinas: Hepatite B (3ª dose), DTP (difteria, tétano e coqueluche, terceira dose), Hib (Haemophilus influenzae, terceira dose), Pólio oral ou inativada (terceira dose), Rotavírus (terceira dose), Influenza (primeira dose).

Depois de um ano as seguintes vacinas: Meningocócica C – dose de reforço, SCR (sarampo, caxumba e rubéola) – primeira dose, Varicela – primeira dose, Hepatite A – primeira dose.

Lembrando que estas doses estão disponíveis nas clinicas de vacinação. É muito importante os pais estarem atentos ao calendário de vacinação e respeitarem o período das doses.