O HPV é um vírus que possui tropismo por células epiteliais, causando infecções na pele e nas mucosas.

O papilomavírus humano é aceito como agente causal do câncer de colo de útero que causa, por ano, a morte de mais de 200 mil mulheres no mundo. A melhor forma para o público feminino se prevenir é através da VACINAÇÃO.

No Brasil existem duas vacinas profiláticas contra o HPV, sendo elas a bivalente Cervarix® que protege contra os tipos virais 16 e 18 e a quadrivalente Gardasil® que oferece proteção contra os tipos 6, 11, 16 e 18. A conduta médica vai determinar qual a vacina mais indicada para cada mulher.

As vacinas profiláticas possuem a proteína L1 do capsídeo viral e são produzidas por tecnologia recombinante de engenharia genética, chamadas de VLP (vírus like particles) que são morfologicamente idênticas aos vírions de HPV. Por não conter material genético viral, não há risco de infecção com as VLP.

Maria Abdalla Solera, Biomédica